Jnet News o Blog da verdade.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

BRASILEIROS PAGAM PREÇOS 'RIDÍCULOS' POR CARROS, APONTA FORBES

A nossa energia elétrica é uma que tem a produção mais barata no mundo inteiro e chega ao consumidor como a mais cara do mundo... e tome imposto pra sustentar os políticos que vocês vão eleger para vos roubarem.
#votenulo2012


 Com o título sugestivo: Brasileiro para RIDÍCULOS $ 80.000,00 (oitenta mil dollares) em Jeep Grand cherokee.

Em artigo na versão on-line, um autor da revista americana Forbes, especializada em finanças e muito conhecida por compilar listas das maiores fortunas do mundo, criticou os preços abusivos pagos por brasileiros por carros considerados de luxo no país. Como exemplo, a publicação cita o valor de Jeep Grand Cherokee, que custa R$ 179 mil (US$ 89,5 mil) no país. Nos Estados Unidos, o mesmo carro sai por cerca de US$ 28 mil.
 



 Preço nos EUA$ 28.000,00 (vinte oito mil), preço Brasil $ 80.000,00 (oitenta mil), mais brasileiro é Cheik Árabe, e pode pagar preço de carro de luxo em troca de carro básico e ainda fica feliz em seu status.

"Alguém pode pensar que pagar US$ 80 mil em um Jeep Grand Cherokee significa que ele vem com asas e grades folheadas a ouro. Mas no Brasil é a versão básica", afirma Kenneth Rapoza, autor do artigo e responsável por cobrir os Brics (Brasil, Rússia, Índia e China) para a Forbes. Ele ressalta que o preço nos EUA é quase metade do salário médio anual de um americano, mas o preço praticado no Brasil está muito aquém dos ganhos de um brasileiro médio.

O jornalista aponta os culpados de sempre pelos preços inflados: impostos sobre importados e outras taxas aplicáveis a produtos industriais. "Com os R$ 179 mil que paga por um único Grand Cherokee, um brasileiro poderia comprar três, se vivesse em Miami", escreve Rapoza.

O artigo ainda cita o novo Dodge Durango, que deve ser apresentado pela Chrysler no salão do automóvel de São Paulo em outubro, e que custará ainda mais que o Grand Cherokee: cerca de R$ 190 mil (US$ 95 mil), segundo a publicação. Nos EUA, o mesmo carro custa US$ 28,5 mil e até um "professor de escola pública do Bronx" pode comprar um com dois anos de uso.

"Desculpem, 'Brazukas' (sic)... não há status em um Toyota Corolla, Honda Civic, Jeep Grand ou Dodge Durango. Não sejam enganados pelo preço. Vocês estão definitivamente sendo roubados", avisa Rapoza.

#votenulo2012