Jnet News o Blog da verdade.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Manifestações de apoio aos protestos no Brasil tomam ruas pelo mundo

Neste domingo (16) já foram realizadas passeatas na Alemanha, na Irlanda e no Canadá

Durante as últimas duas décadas, os preços dos bilhetes de transporte em São Paulo, Brasil aumentou em 540% e, no Rio foi 742%

AGORA SEGUNDA DIA 17 SERÁ REALIZADO O MAIOR PROTESTO JÁ VISTO NOS TEMPOS MODERNOS. 

 













Três manifestações em apoio aos protestos realizados no Brasil reuniram, neste domingo (16), centenas de pessoas nas ruas de Berlim (Alemanha), Dublin (Irlanda) e Montreal (Canadá). Ainda durante a tarde de hoje, outra passeata deve acontecer em Boston (Estados Unidos).


Manifestação em apoio a protestos no Brasil leva 2.000 às ruas de Dublin 

 Cerca de 2.000 pessoas foram a um dos principais pontos turísticos de Dublin --o Spire, monumento em forma de agulha, situado na região central da cidade-- neste domingo para um ato em apoio aos manifestantes brasileiros.

Os números são da polícia local, que acompanhou o evento, chamado Brazil Awakening Dublin. Segundo a organização, a ideia de promover apenas um ato, sem envolver caminhadas pela cidade, foi determinação da polícia, para evitar transtornos no trânsito













Os responsáveis pelo evento fizeram uma reunião --na qual compareceram cerca de cem pessoas-- e falaram novamente com a polícia antes do protesto.

"Eles deixaram a gente super a vontade para fazer o que a gente quisesse", relata Cordeiro, que explica ainda que a única solicitação das autoridades foi que o trânsito não fosse bloqueado.

Outra participante e organizadora do evento, a paulistana Carolina Valeis, conta que os manifestantes levaram flores para os policiais.

"No final, fizemos uma homenagem para a polícia: sentamos no chão, agradecemos e aplaudimos".

Segundo Valeis, que está na Irlanda há apenas um mês, a manifestação foi uma forma de apoiar os brasileiros que estão indo às ruas, "mesmo de longe". "Se eu estivesse no Brasil eu iria para a rua, não apenas pelos vinte centavos, mas por tudo", diz.

O brasileiro Jaison Mannrich também mora na cidade e diz que as manifestações o fizeram recordar dos motivos que o levaram a procurar vida nova em outro país. "Não tinha mais orgulho do Brasil. Espero que daqui eu ajude a construir um país melhor para que um dia eu volte para casa de cabeça erguida", diz.



SITES INTERNACIONAIS RELATAM A PRIMAVERA BRASILEIRA

FOX NEWS: http://latino.foxnews.com/latino/sports/2013/06/16/protests-break-over-high-cost-hosting-world-cup-in-brazil/

Protests Break Out Over High Cost Of Hosting World Cup In Brazil

Horas antes do Brasil derrotar o Japão no jogo de abertura da Copa das Confederações, cerca de 1.000 manifestantes no Estádio Nacional, em Brasília, protestaram contra o alto custo de organizar a Copa do Mundo...
Gritavam os manifestantes contra o governo local e carregavam cartazes dizendo que muito dinheiro estava sendo gasto com a Copa das Confederações e Copa do Mundo do ano que vem, enquanto a maioria da população continuava a lutar.

"Estamos exigindo mais respeito à população", disse Vinicius de Assis,
21 anos, um dos manifestantes. "Eles estão construindo esses estádios superfaturados e não está se preocupando com a situação de seu próprio povo."

Os manifestantes também gritaram contra a FIFA, dizendo que a entidade máxima do futebol não tem o direito de fazer exigências ao governo brasileiro. "FIFA, vá embora", gritavam.